Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Anunciada nova lei para baixar o CO2

A Suíça legifera sobre introdução de normas destinadas a reduzir o dióxido de carbono - CO2 - para realizar objetivos adotados em 1996 na "convenção sobre mudanças climáticas", em Kioto no Japão. A lei prevê reduzir 10 por cento dos níveis de CO2 de 1990.

Esse meta de baixar 10 por cento nos níveis de emissão de dióxido de carbono deveria ser atingida em 2010. A indústria pesada, grande consumidora de energia, deveria assumir maior responsabilidade na busca de redução de CO2. Mas cada indivíduo poderia contribuir para esse fim, por exemplo diminuindo o aquecimento de suas casa e comprando carros que consomem menos gasolina, segundo realçou Thomas Stadler, da Divisão Federal de Meio Ambiente.

Segundo Stadler, já foi colocada em prática "a estratégia da cenoura e do chicote". Em outros termos, se negociações entre governo e a indústria sobre compromissos de economizar energia fracassar, uma taxa baseada no princípio "quem polui paga" poderá ser aplicada em 2004.

O montante da taxa, já definido pelo Parlamento suíço, oscilaria em função de quanto o CO2 tiver sido reduzido voluntariamente.

Thomas Stadler manifesta otimismo quanto a possibilidade de atingir objetivos fixados no que diz respeito à gasolina e ao óleo para aquecimento. Ele duvida porém que haja um esforço das pessoas para reduzir gás carbônico emitido pelos carros. Por isso mesmo acha ser difícil evitar uma taxa em 2004...

swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.