Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Berna pode receber maior centro islâmico da Europa

O centro islâmico pode ser construído ao lado das linhas ferroviárias.

Um dos maiores centros culturais islâmicos da Europa pode ser construído na parte norte de Berna. A iniciativa vem da associação de grupos islâmicos da capital suíça.

O projeto, que ainda está sendo elaborado, prevê a construção de um museu dedicado ao Islã, uma mesquita , um centro para congressos, escritórios e um hotel quatro estrelas sobre uma superfície de 23 mil metros quadrados.

A idéia do projeto se baseia na "perspectiva de um diálogo diferenciado sobro o Islã", explica o porta-voz da Associação de Grupos Islâmicos de Berna, Farhad Afshar, confirmando a notícia publicada no jornal dominical "NZZ am Sonntag". A construção será realizada na área do antigo abatedouro, ao norte da capital suíça.

Segundo Farhad Afshar, o projeto prevê a construção de um grande centro, cujos planos serão realizados por arquitetos escolhidos através de um concurso internacional. O custo total é avaliado entre 60 e 80 milhões de francos. O porta-voz espera a mesma repercussão obtida durante a criação do Centro Paul Klee, considerado hoje um dos mais importantes museus artísticos da Suíça.

Modelo: Casa das Religiões

O modelo de exploração é comparável ao da Casa de Religiões, onde a utilização comercial das suas instalações apóia atividades culturais e religiosas ao mesmo tempo. Os muçulmanos bernenses esperam que a construção do centro possa permitir um melhor diálogo inter-religioso na Suíça.

Um projeto mais detalhado e o plano de negócios estão sendo elaborados pelos responsáveis do futuro centro islâmico. Eles irão constituir uma base de discussão com as autoridades municipais de Berna e possíveis investidores.

O terreno do antigo abatedouro, localizado nas proximidades da linha ferroviária Berna-Zurique, pertence à cidade de Berna e faz parte do projeto de desenvolvimento "Wankdorf City". Outros projetos estão sendo previstos para serem realizados nesse grande espaço, atualmente vazio. As autoridades irão apresentar todas as idéias de planejamento urbano para o espaço durante o verão.

swissinfo com agencias

Breves

O Islã conta 1,3 bilhões de fiéis em nível mundial.

Segundo o censo de 2000, mais de tres quartos da população são de confissão cristã.

Na suíça vivem aproximadamente 311 mil muçulmanos (4,3%). Oito em dez deles são estrangeiros, em grande maioria originários dos países balcânicos e Turquia. O Islã é a segunda religião (em importância) do país.

Aqui termina o infobox


Links

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

×