Navigation

Capitão suíço viaja contundido à África do Sul

Frei lesionou o tornozelo direito no último treino da seleção em Zurique. Keystone

O capitão da seleção suíça de futebol, Alexander Frei, contundiu-se no tornozelo direito durante o último treino da equipe, em Zurique, antes de embarcar para a Copa do Mundo.

Este conteúdo foi publicado em 10. junho 2010 - 11:55

Segundo o médico da equipe, Cuno Wetzel, "o principal problema é a forte dor". Ele não quis fazer qualquer prognóstico se Frei poderá jogar na estreia da Suíça no Mundial contra a Espanha na próxima quarta-feira (16/6).

A participação de Frei na Copa ainda é incerta, embora ele tenha desembarcado com a seleção na manhã desta quinta-feira, em Joanesburgo. Durante o treino final em solo suíço, no estádio Letzigrund, em Zurique, na quarta-feira (9/6), um entorse no tornozelo ao se apoiar de mal jeito no pé direito durante uma disputa de bola com o zagueiro Steven von Bergen.

Um exame no hospital comprovou o entorse e a presença de um hematoma no tornozelo direito. O técnico Ottmar Hitzfeld estava preocupado antes do exame. "Espero que ele não tenha rompido um ligamento ou sofrido uma fratura", disse.

Frei teve de interromper o treino no Letzigrund após 40 minutos e recebeu o primeiro tratamentos médicos no gramado. Pouco depois, saiu mancando do campo e foi levado direito para o hospital.

Lembranças da Eurocopa 2008

A cena, que chocou os cerca de três mil torcedores no Letzigrund, lembrou a Eurocopa 2008, disputada na Áustria e na Suíça, quando Frei rompeu os tendões do joelho esquerdo aos 42 minutos do primeiro tempo na partida de estreia contra a República Tcheca e não pode mais disputar partidas no torneio.

Hitzfeld prefere não acreditar numa repetição dessa “tragédia”. "É preciso sempre pensar positivamente. Embora ele sinta fortes dores, espero que ele jogue o Mundial. Mesmo que não seja possível no primeiro jogo, talvez ele possa entrar durante o torneio”, disse ele em entrevista coletiva à imprensa.

O entorse no tornozelo é o mais novo capítulo numa série de contusões de Alex Frei. No final do campeonato suíço, há menos de um mês, ele tinha voltado a jogar depois de uma pausa de 11 semanas, causada por uma quebra do braço.

Uma eventual ausência de Frei (30), artilheiro da seleção suíça com 40 gols em 75 jogos, desfalcaria ainda mais o já enfraquecido ataque suíço. No início dos treinos da seleção em Crans-Montana, nos Alpes, o atacante Marco Streller sofreu uma distensão muscular na coxa esquerda e foi substituído por Albert Banjaku.

Uma alternativa para Frei poderia ser o jovem atacante Nassim Ben Khalifa, que troca o Grasshopper de Zurique pelo Wolfsburg (Alemanha) na próxima temporada e foi campeão mundial no sub-17 no ano passado. Hitzfeld disse, porém, que ainda não contatou um eventual substituto para o capitão.

Capitães com azar

Em termos de azar, Frei está em “boa companhia”. Pelos menos outros três capitães de seleções se contundiram às vésperas da Copa: Didier Drogba, da Costa do Marfim, quebrou o cúbito no amistoso contra o Japão (2 a 0), na última sexta-feira, em Sion, no sudoeste da Suíça. Ele foi operado em Berna e seguiu para a África do Sul, mas ainda não se sabe se poderá jogar.

O capitão da seleção alemã, Michael Ballack (34), perdeu sua última chance de se tornar campeão do mundo, depois que machucou o tornozelo direito na final da Copa da Inglaterra (em 15/5) e teve de renunciar ao Mundial.

Michael Essien, colega de Ballack no Chelsea e capitão da seleção de Gana, adversária da Alemanha no Grupo D, também não vai ao Mundial por causa de uma contusão o joelho.

O zagueiro e capitão da seleção da Inglaterra, Rio Ferdinand, também perdeu a chance de disputar a Copa 2010, após sofrer uma lesão nos ligamentos do joelho esquerdo durante o primeiro treino da equipe na África do Sul (em 4/6).

Geraldo Hoffmann, swissinfo.ch (com agências)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Em conformidade com os padrões da JTI

Em conformidade com os padrões da JTI

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?