Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Cineasta suíço entra na história

Halle Berry emocionada ao receber o Oscar

(Keystone)

A atriz Halle Berry tornou-se a primeira negra a receber o Oscar de melhor atriz pelo seu trabalho em "Monster ball", do cineasta suíço, Marc Forster.

Na 74ª. cerimônia do Oscar, o prêmio mais cobiçado do cinema, ocorreu uma première mundial - a primeira recompensa para uma atriz negra. Halle Berry, protagonista de "Monster Ball" foi agraciada com um Oscar que escapou a artistas prestigiosas como Diana Ross e Whoopi Goldberg.

Triunfo negro

O evento não passou despercebido, até porque sob efeito da emoção Halle Berry foi incapaz de articular por certo tempo mais que "oh, my God" (meu Deus). Ela disputou o prêmio com Judi Dench ("Íris"), Nicole Kidman ("Moulin Rouge"), Sissi Spacek ("Entre quatro paredes") e Renée Zellweger ("O diário de Bridget Jones").

Halle pôde comemorar a vitória com Denzel Washington, outro artista negro, que por coincidência foi recompensado com o Oscar de melhor ator, pelo seu papel em "Dia de treinamento" ("Training Day"). Além disso, um outro ator negro, Sidney Poitier, 74 anos, recebeu um Oscar especial pelo conjunto de sua obra.

Destaques

Entre os destaques da noite dos Oscars, vale assinalar que a recompensa máxima, a de melhor filme, foi atribuída a "Uma mente brilhante" (A Beautiful Mind) de Ron Howard. Para a categoria de melhor filme estrangeiro foi escolhido "No man's land" (terra de ninguém), do realizador bósnio, Danis Tanovic.

Os filmes mais recompensados foram: "uma mente brilhante" e "O senhor dos anéis - a sociedade dos anéis", cada um com 4 estatuetas:

- "O senhor dos anéis": maquiagem, fotografia, efeitos visuais e trilha sonora;

- "A mente brilhante": atriz coadjuvante, roteiro adaptado, direção e melhor filme.

Oscar para Redford

A registrar ainda que os franceses ficaram decepcionados pelo fato de "O fabuloso destino de Amélie Poulain" ("Le fabuleux destin de ...") nada ter levado apesar de 4 nomeações. E que os suíços ficaram orgulhosos com a recompensa de melhor montagem ter ido para Pietro Scalia, suíço de origem siciliana, por "Falcão negro em perigo".

Assinalemos por fim que Robert Redford, 64 anos, recebeu um Oscar especial pelo conjunto de sua obra.

swissinfo com agências.


Links

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×