Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Clubes do Leste, 1° obstáculo na Copa UEFA

(Keystone)

Três equipes suíças que disputam a primeira rodada da Copa UEFA devem enfrentar clubes do Leste Europeu. Para o FC Servette, de Genebra, o osso mais duro pode ser Slavia Praga. Grasshoper enfrenta Dinamo Bucareste e St.Gallen joga contra Steua, também da capital romena.

As graves dificuldades econômicas romenas refletem-se também no futebol. Isso pode facilitar a tarefa do Grasshoper e do St.Gallen que disputam vaga na segunda rodada da UEFA, respectivamente com Dinamo Bucarest e Steua Bucarest. Face à situação de crise, os melhores jogadores saem da Romênia.

O espantalho checo

Ja na República Checa a situação está melhor e o Servette não pode brincar com o Slavia Praga, seu adversário da rodada de estréia. A equipe da capital checa recuperou dois jogadores que se distinguiram na Europa Ocidental : Jan Suchoparek e Pavel Kuka.

Jan Suchoparek, 31 anos, defendeu as cores do Racing de Estrasburgo (Fra), e conta 61 seleções na equipe da República Checa.

Pavel Kuka, 33 anos, que contrariamente a Suchoparek joga no ataque e não na defesa, integrou 3 equipes alemãs : FC Kaiserslautern, VgB Stuttgart e FC Nüremberg. Em 86 partidas na equipe nacional marcou 29 gols.

O treinador do Servette, Lucien Favre, trata o Slavia com muito respeito : Será muito duro, até porque o futebol checo continua sendo um dos melhores da Europa".

Sorte do Grasshoper

O Grasshoper de Zurique, o clube mais rico da Suíça - eliminado da Liga dos Campeões pelo FC Porto - tem motivo de ficar mais tranquilo. Seu adversário na primeira rodada da Copa UEFA, o Dinamo Bucarest, não mete medo atualmente. Mesmo figurando em segunda posição no campeonato romeno.

Já o FC St.Gallen tem motivo de preocupação. Anda mal no campeonato suíço e o Steua Bucarest impõe mais respeito. Foi campeão no ano passado e já teve seus momentos de glória. Por exemplo, ao vencer a Copa da Europa em 1986.

swissinfo com agências.

×