Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Comunidade portuguesa veste-se a rigor para a Eurocopa

As bandeiras já estão nas ruas

(swissinfo.ch)

A comunidade portuguesa na Suíça começa a vestir-se a rigor para receber a selecção, que chega no domingo (01/06) a Neuchâtel, oeste do país.

São já visíveis os diversos sinais de colorido verde e vermelho, um pouco por toda a Suíça.

Seja em que cantão for, as cores de Portugal começam já a deambular um pouco ao acaso, um pouco por toda a parte, hasteando-se assim o orgulho nacional, que espera ao menos pela via do futebol ser superior ao do país de acolhimento.

E os portugueses não se fazem de rogados. São as viaturas [os carros], são as camisolas [camisetas] ou até mesmo o colorido das bandeiras nas varandas das casas. A Suíça começa a ficar ornamentada com as cores de uma das comunidades mais numerosas a residir no país. Os últimos números apontam para cerca de 190 mil portugueses com autorização de estadia legal.

Futebol e cultura

As iniciativas estão já preparadas e isto até porque o próximo dia 10 de junho é o dia de Portugal, que vai ser festejado pelas autoridades diplomáticas portuguesas em Neuchâtel, cidade onde estará sediada a equipa nacional. As comemorações serão no dia 8 de junho, com um programa que promete ser de grande interesse.

No dia 6 de junho, por exemplo, o ex-capitão da selecção e jogador da Inter de Milão, Luís Figo, estará no estádio de La Maladiére em Neuchatel, juntamente com outras vedetas como Rui Costa, Paulo Sousa e Pauleta, entre outros. Eles disputarão um jogo de exibição em que alguns elementos da comunidade portuguesa serão convidados a participar.

Também para o dia 6 de junho, à noite, está previsto aquele que promete ser um dos maiores concertos de música ligeira portuguesa na Suíça, com o cantor Tony Carreira e o seu filho Mikael, em show aberto a toda a comunidade.

Estão todos prontos

O concerto será na "Patinoire" de Neuchâtel, promovido por uma cadeia de supermercados de Portugal.

O Euro 2008 centraliza todas as atenções e todo o colorido da comunidade portuguesa e começa a ganhar cada vez mais força. A festa está quase a começar. Também as cores nacionais dos outros países participantes começam a aparecer nas ruas. A Eurocopa pode começar. Estão todos prontos.

swissinfo, Adelino Sá

Estrangeiros na Suíça

Em 2007, o número de estrangeiros na Suíça aumentou 3,1% para 1.570.965.

Os portugueses - 182 mil - formavam o terceiro maior grupo, depois dos italianos e alemães.

As maiores comunidades de imigrantes encontram-se nos seguintes estados (cantões):
Zurique: 298.790
Vaud: 191.613
Genebra: 142.875
Aargau: 118.170
Berna: 117.101
St-Gallen: 97.349

Aqui termina o infobox

×