Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Correios inovam em filatelia com um "selo têxtil"

O selo associa tradição têxtil e filatélica.

(Keystone)

Uma première mundial: os correios suíços lançaram quarta-feira, 21 de junho, um selo feito de fibras bordadas. A obra que poderá tornar-se uma raridade, exigiu utilização de tecnologia de ponta e processos modernos de produção

As indústrias filatélica e têxtil da Suíça são tradicionais e bem cotadas. Mas é a primeira vez que se unem duas tradições para a produção de um selo engenhoso: um selo bordado, ou melhor um bordado-selo.

No valor de 5 francos - cerca de 3 dólares - a obra é do artista Peter Hostettler que trabalha para a indústria têxtil de St-Gallen, que teve seus momentos de glória no passado.

O novo selo foi apresentado, dia 21 ao público em feira filatélica nacional na cidade de St-Gallen, nordeste da Suíça. E Segundo o chefe da Divisão de Marketing dos Correios Suíços, Renzo Lorenzetti, o selo deverá tornar-se uma raridade.

Produzido em quantidade limitada, foram necessários tecnologia de ponta e processos modernos para materializar a idéia desse de "selo têxtil", único no mundo.

Swissinfo com agências.


Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.