Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Descargas, explosivos & ouro Porquinhos-da-índia solitários e outros estranhos mitos sobre a Suíça

Four guinea pigs

Dining alone is illegal in Switzerland - at least if you are a guinea pig

(Keystone)

É verdade mesmo? Nós perguntamos se vocês ouviram alguma coisa meio estranha sobre a Suíça e gostariam de tirar suas dúvidas com a gente. Aqui vão as respostas para algumas das perguntas mais curiosas que recebemos – sobre boatos, lendas urbanas e leis esquisitas.

Recebemos desde questões urgentes sobre barulhos noturnos na vizinhança até dúvidas sobre ouro escondido, carne de cachorro, túneis cheios de explosivos nas estradas – e a pergunta talvez mais frequente:

É verdade que na Suíça não se pode comprar só um porquinho-da-índia? Que você precisa comprar pelo menos dois, porque eles se sentem sozinhos e precisam de companhia? Espero que seja verdade, porque é muito fofo. – Vanessa Bradley 

Aqui termina o infobox

Vanessa, é possível fazer um monte de coisas na Suíça, mas se elas são estritamente legais é outra coisa. É claro que você pode comprar um porquinho-da-índia só – eles não são vendidos em embalagens múltiplas. Mas o Departamento Federal de Veterinária e Segurança AlimentarLink externo confirma que “porquinhos-da-índia são animais muito sociáveis e não podem ser criados sozinhos”.

As 182 páginas das Diretrizes de Proteção AnimalLink externo, em vigor desde 2008, trazem as informações mais incríveis sobre criação de centenas de espécies. Você sabia que não se pode forçar galinhas e outras aves domésticas do gênero a usar óculos nem lentes de contato? (Artigo 20, c).

As espécies que “deverão ser criadas em grupos de pelo menos dois animais” são (no caso de mamíferos) os porquinhos-da-índia, camundongos, gerbos, ratos, degos e chinchilas. No caso das aves, as codornas, araras, cacatuas, periquitos, papagaios, canários, fringilídeos ornamentais e, naturalmente, as pombas. Coelhos domésticos “não podem ficar sozinhos nas primeiras oito semanas de vida”, e depois disso devem ser criados em grupos “sempre que possível”. Se não for possível, deverão poder ao menos ouvir e sentir o cheiro de outros coelhos.

A divisão de veterinária dispõe de grande quantidade de instruções (em alemão, francês e italiano) para criação de porquinhos-da-índia Link externoe outros animais de estimação. “Um grupo ideal de porquinhos-da-índia é composto de duas ou três fêmeas e um macho castrado”, informa. Aparentemente, brigas são mais frequentes em grupos exclusivos de fêmeas.

E os hamsters? Elena May escreveu, perguntando: “É verdade que na Suíça é ilegal ter um hamster só?” Bem, o fato é que “os hamsters douradosLink externo [no Brasil, mais conhecidos como hamsters sírios] são animais individualistas e devem ser mantidos sozinhos”. Mas a divisão de veterinária diz que os chamados hamsters anões russos e os hamsters chineses podem viver em grupos familiares.

No que diz respeito a cumprimento das leis e penalidades para infratores, os serviços veterinários cantonais, que são responsáveis pela fiscalização das leis de bem-estar animal, determinam as penas para quem não respeita a legislação. 

As pessoas ainda comem cachorros em Appenzell?  – Marcin Tkacz 

Aqui termina o infobox

Para começar: é verdade que as pessoas comiam cachorros em Appenzell, uma região tradicionalista no nordeste da Suíça? É verdade. Comer cães e gatos é legal no país, e o chefe da Proteção Animal Suíça informou em 2013 à swissinfo.ch que “talvez entre 100 e 200 pessoas comam carne de cão ou de gato ocasionalmente na Suíça”. Incidentalmente, o nordeste da Suíça parece ser um foco dessa prática.

Outra questão é saber se as pessoas comem carne de cachorro ou de gato involuntariamente. A divisão suíça que lida com animais de estimação perdidos estima que 20 mil bichinhos desapareçam todos os anos, dos quais 75% são gatos, aproximadamente.

Então, as pessoas ainda comem cachorros (intencionalmente) em Appenzell? É provável, mas muito raramente.


É verdade que não se pode usar a descarga depois das 22h? – Bhargav Bhatt 

Aqui termina o infobox

Ah, essa é a lenda urbana que não desaparece nunca. Existe até uma versão segundo a qual os homens não podem fazer xixi de pé depois das 22h (porque podem incomodar os vizinhos do andar de baixo). Alguma delas é verdadeira? Não.

“Se moradores se sentem incomodados ou até mesmo acordam com o barulho de quem faz xixi ou dá descarga, não há o que fazer”, explicou Ruedi Spöndlin, consultor jurídico da Associação de Inquilinos da SuíçaLink externo em uma coluna no jornal 20MinutenLink externo em 2017.

Spöndlin contou que certa vez foi consultado por uma moradora meio envergonhada que queria saber se podia proibir o vizinho de ir ao banheiro à noite. “Obviamente tivemos de dizer a ela que aquilo não tinha cabimento”.

especiais

Verificação de fatos pela swissinfo.ch

Ler uma manchete no jornal ou ver um cartaz eleitoral e se perguntar: "Isso é verdade"? Para ajudar o leitor a swissinfo.ch verifica declarações factuais feitas por personagens públicos sobre a Suíça ou temas da atualidade e ajuda-lhe a chegar às suas próprias conclusões sobre a exatidão dos fatos.

De vez em quando as pessoas reclamam de vizinhos arrastando mobília no meio da noite – o que não é permitido. “Mas, no caso dessas queixas, muitas vezes descobrimos que o vizinho só tinha levantado da cadeira algumas vezes”, contou Spöndlin.

Isso não quer dizer que, na madrugada, vale tudo. A regra geral é a do “volume do cômodo”. Significa que você pode conversar e ouvir música desde que o ruído fique restrito ao cômodo em que você está. Numa varanda, o “volume do cômodo” passa a ser o “volume da mesa” (que está sendo usada).

Pianos são objeto frequente de queixas à associação de moradores. “Tocar um instrumento por duas ou três horas do dia é perfeitamente aceitável”, disse Spöndlin. “Mas as pessoas não podem tocar instrumentos barulhentos, como baterias ou trompetes, em imóveis alugados.”

E barulho de sexo? Sem problemas. “Os chamados ruídos da paixão estão na categoria dos sons normais da vida”, disse ele.

Ouvi dizer que os túneis das estradas suíças são cheios de explosivos, para serem fechados rapidamente em caso de invasão.. – Phil Miller 

Aqui termina o infobox

Já no século 19 os suíços estocavam explosivos em pontos estratégicos ao longo de suas fronteiras e nas principais rotas de transporte. Isso foi feito em escala maior durante a Segunda Guerra Mundial, mas apenas em 1975, como parte da estratégia do governo suíço contra invasões durante a Guerra Fria, a Suíça adotou uma abordagem mais sistemática de alocação de cargas explosivas secretas.

No seu auge, a rede defensiva suíça chegou a cerca de 2 mil estruturas individuais carregadas com explosivos, de pontes e túneis a rodovias e pistas de pouso e decolagem. Quando houve um incêndio no túnel Gotthard, em 2001, descobriu-se que havia toneladas de explosivos armazenadas sobre as pistas.

Nem é preciso dizer, mas ter TNT espalhado pelo país levanta questões sobre segurança e saúde. Em novembro de 2014, o Exército Suíço admitiu que ainda havia montes de explosivos ocultos em toda parte e disse que pretendia removê-los até o fim do mês.  

Em resposta ao questionamento da swissinfo.ch, sobre o tema, o Exército diz: “Todos os dispositivos, desde então, já foram desativados. Não há mais explosivos em nenhum deles”.

É verdade que existe um grande depósito de ouro debaixo da estação rodoviária de Lugano? – Paul Alvarez 

Aqui termina o infobox

Isso é novidade para mim, e não consegui encontrar nenhuma referência na internet. Paul, você tem alguma coisa para contar para a gente – ou para a polícia? Onde você escutou isso? Essa vai levar o carimbo de FALSA, para impedir uma Grande Corrida do Ouro à estação rodoviária de Lugano.

Posso passar minha cidadania suíça aos meus filhos?

Aqui termina o infobox

Os filhos de pelo menos um pai suíço são automaticamente suíços se os pais forem casados. Também são automaticamente suíços se a mãe for suíça.

Filhos menores de 18 anos de pai suíço, mas cujos pais não sejam casados, tornam-se automaticamente suíços se o pai as reconhecer antes de alcançarem a maioridade.

Os filhos de pelo menos um dos pais com cidadania suíça podem pedir a naturalização até completarem 22 anos de idade. Para fazê-lo, têm de comprovar laços estreitos com a Suíça, incluindo pelo menos cinco anos de residencia no país. Depois de completar 22 anos, eles terão o mesmo tratamento de outros estrangeiros requerendo cidadania suíça.

Como posso obter a cidadania suíça?

Aqui termina o infobox

Além dos processos de naturalização e adoção (apenas para menores), a cidadania suíça também pode ser obtida por descendência. A obtenção de nacionalidade por descendência de pai ou mãe é chamada de “jus sanguinis” (direito de sangue), lei que também se aplica, por exemplo, na Alemanha e na Áustria. Em outros países, como Estados Undios, Canadá, Austrália e Brasil, a nacionalidade é automaticamente adquirida por “jus soli” (direito do solo), baseada no país em que você nasceu.

Esse artigo é o primeiro de uma série dedicada ao esclarecimento de dúvidas levantadas por nossos leitores. Se você ouviu alguma coisa sobre o país e seus habitantes que mereça ir para o microscópio, fale com a gente utilizando o link abaixo.

Aqui termina o infobox


Tradução: Lucia Boldrini, swissinfo.ch

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.