Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Desemprego é o menor em 8 anos.

Em abril, a taxa de desemprego diminuiu um pouco mais na Suíça com taxa de 2,1 p/cento da população ativa. Em março, essa a taxa era de 2,3 p/cento. Se a tendência se mantém, o déficite seguro-desemprego será coberto até o final de 2003.

"No início de 1999, o déficite do seguro-desemprego era de 8,8 bilhões de francos suíços. No final deste ano deverá ser de 5,7 bilhões e zerar o déficite até o final de 2003".

A previsão é de Jean-Luc Nordmann, diretor do Departamento Trabalho na Secretaria federal de Economia (Seco).
A tendência está sendo revertida rapidamente porque a taxa de desemprego havia chegou ao máximo em fevereiro de 1997, com 5,7 p/cento da população ativa. Em pouco mais de 3 anos, portanto, o desemprego é de apenas 1/3 do que era.

"Le retournement de tendance a donc été très rapide. Le nombre de chômeurs en Suisse avait atteint son maximum en février 1997. Le Seco - qui s'appelait encore Ofiamt - recensait alors 206 291 chômeurs, soit 5,7 pour cent de la population active. Et personne ne prédisait d'amélioration à court terme.

Também está caindo o número de pessoas desempregadas há muito tempo: de 34 p/cento dois anos atrás, passou para 20,8 por centro em abril.

Segundo Nordmann, esses números eram esperados porque repercutem agora a retomada do crescimento econômico. O PIB - produto interno bruto - cresceu 3,7 p/cento no último trimestre do ano passado, as empresas está com muitas encomendas, crescem os investimentos em publicidade etc.

A Seco trabalha atualmente com a estimativa de 2 p/cento de desemprego e acha que ela ainda pode cair mais atö junho, antes de subir um pouco novamente no final do ano.

Por estado, Genebra tem o maior desemprego (4,5 p/cento) e Appenzell o menor (0,3 p/cento)

Swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.