Navigation

Famoso café de Zurique vende "livro de ouro"

O Café Odeon em Zurique, 1971: um estabelecimento com uma longa tradição na maior cidade da Suíça. RDB/ATP/Reto Hügin

O "Grand Café Odeon" abriu as suas portas em julho de 1911 e depois se transformou no ponto de encontro de intelectuais, artistas e políticos em Zurique. Muitos deles assinaram o seu livro de ouro, que hoje foi leiloado por 42 mil francos suíços, o dobro do que se esperava.

Este conteúdo foi publicado em 18. outubro 2017 - 14:05
swissinfo.ch/fh

Dentre as personalidades que deixaram a sua assinatura no livro: o escultor Alberto Giacometti, o escritor irlandês James Joyce e o cientista Albert Einstein.

Até hoje o café é frequentado por um grande número de pessoas, não apenas personalidades de Zurique. Mas muitos turistas ainda tentam “pescar” no seu ambiente a atmosfera do passado. 



Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.