Navigation

EUA estão dispostos a suspender sanções inconsistentes com acordo nuclear iraniano

Porta-voz do Departamento de Estado dos EUA Ned Price 1/3/2021 REUTERS/Tom Brenner reuters_tickers
Este conteúdo foi publicado em 08. abril 2021 - 00:16

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos estão dispostos a remover as sanções ao Irã para retomar o cumprimento do acordo nuclear com a República Islâmica, incluindo aquelas que são inconsistentes com o pacto de 2015, disse o Departamento de Estado dos EUA nesta quarta-feira, sem dar detalhes.

"Estamos preparados para tomar as medidas necessárias para retornar ao cumprimento do acordo, incluindo a suspensão de sanções que são inconsistentes com o acordo. Não estou em posição de fornecer a vocês um capítulo e um versículo sobre o que isso pode significar", afirmou o porta-voz do Departamento de Estado Ned Price a repórteres.

Irã e Estados Unidos realizam conversas indiretas em Viena nesta semana com a meta de levar os dois países a voltarem a cumprir os termos do acordo nuclear de 2015, que os EUA abandonaram três anos atrás.

O Irã tem violado os limites do acordo ao seu programa nuclear de maneira constante em reação ao desligamento dos EUA do pacto e à reativação de sanções que prejudicam a economia da República Islâmica.

(Reportagem de Humeyra Pamuk e Mohammad Zargham em Washington e de Arshad Mohammed em Saint Paul)

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.