Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Faltam exatos dois anos para a Expo.02

Nelly Wenger, diretora da exposição nacional de 2002

(Keystone)

Os preparativos se aceleram para a vasta exposição nacional a ser inaugurada dia 15 de maio de 2002. A Expo 2002 destina-se a mostrar de que a Suíça é capaz, questionando o presente e o futuro. Falta acertar muitos detalhes, inclusive de financiamentos...

"O quebra-cabeça da Expo.02 toma forma, peça por peça", lembrou a diretora do evento, Nelly Wenger, em coletiva à imprensa na segunda-feira, 15 de maio.

Os maiores desafios são as "arteplages" - engenhosos e enormes palcos de exposições sobre lagos. Resta resolver ainda detalhes sobre financiamentos e transportes, enfatizou Wenger.

A Expo.02 chama-se assim porque há 11 meses foi adiada por um ano, após uma crise na direção hoje superada. Antes falava-se de Expo.01.

O evento que deve se prolongar por seis meses deve revelar todos os aspectos da Suíça, mostrando ao mesmo tempo as potencialidades do país.

Vale lembrar que a Suíça atravessa a pior crise de identidade do século e
nesta década sua imagem foi arranhada com seu contestado envolvimento na
Segunda Guerra Mundial.

A EXPO.02 acontecerá mais de 30 anos depois da precedente, nos anos 60, apresenta-se como "uma plataforma que permitirá propor, estudar, aceitar ou rejeitar diferentes soluções de maneira cativante...".

A EXPO.01, que deve acolher também visitantes estrangeiros será realizada em duas regiões linguísticas suíças, envolvendo 4 cidades: Bienna, Morat, Neuchâtel e Yverdon.·

swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.