Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Formação para suíços do exterior faz 40 anos

Logotipo da Organização dos Suíços do Exterior.

(swissinfo.ch)

Braço da Organização dos Suíços do Estrangeiro, a AJAS - para formação no País de jovens suíços residentes no exterior - completa 40 anos.

Na ocasião 28 jovens foram convidados para passar uma semana na Suíça. Três deles vieram do Brasil.

Durante uma semana, de 7 a 9 deste mês, os 28 jovens, ciceroneados pela Organização dos Suíços do Estrangeiro, são conduzidos a regiões turísticas do país, nos cantões (estados) de Berna, Friburgo e Basiléia, visitam museus, e participam de debates sobre política suíça.

Esses 28 jovens foram convidados para a comemorar os 40 anos da AJAS - Associação para Encorajamento da Instrução de Jovens Suíços do Estrangeiro.

A Associação existe desde 1962 e tem por finalidade justamente informar e apoiar suíços do exterior que desejem fazer curso profissionalizante ou universitário na Suíça.

300 por ano vêm estudar na Suíça

Em coletiva à imprensa, em Berna, na segunda-feira, 4/11, o presidente da Associação, o deputado Remo Galli, lembrou as dificuldades de financiamento da AJAS, num momento de conjuntura econômica pouco favorável.

A AJAS, que depende financeiramente de ajuda fornecida pelos cantões, pela fundação Pro Juventute e setores da economia, dispõe de orçamento anual de 400 mil francos (€ 273 mil). Insuficiente para atender aos 300 suíços do estrangeiro, que se matriculam em cursos superiores ou escolas profissionais do País.

A AJAS não passa de um braço da Organização dos Suíços do Estrangeiro (OSE) que procura "fornecer informações de primeira mão" sobre a chamada Quinta Suíça (os suíços do exterior, em referência às 4 outras culturas que integram o País).

Porta-voz

Informações e conselhos da OSE que podem ser encontrados na internet (cfr. endereço ao lado) abrangem diferentes domínios: formação, serviços a jovens (como possibilidade de participar de colônias de férias), assistência jurídica, seguros sociais, etc.

É uma organização que existe desde 1916 e reconhecida como porta-voz dos suíços do exterior, a Quinta Suíça, portanto.

Em suma, OSE, defende os interesses dos suíços, e nessa função conta com apoio de cerca de 750 sociedades e instituições no mundo inteiro. Suíços do exterior que totalizam seiscentas mil pessoas.

swissinfo com agências


Links

×