Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Hingis avança às quartas-de-final

Martina Hingis em busca de um troféu importante desde janeiro de 1999

(Keystone)

Derrotando a iugoslava Jelena Dokic por 6-4 e 6-0, a suíça Martina Hingis, líder mundial do tênis feminino, chegou às quartas-de-final do Torneio Aberto de Flushing Meadows, em Nova York. Seu compatriota, Roger Federer, n° 13, que disputava uma vaga nas quartas perdeu para André Agassi, n° 2 na ATP.

A vitória de Martina Hingis nas oitavas de final foi de virada. Já no primeiro set, Martina começou perdendo de 3 games a 0. Batalhando em seguida, quebrou serviços da adversária, fechou o set em 6 a 4.

Continuou no mesmo embalo no segundo set, concluído rapidamente : 6 a 0.

A desforra

Foi nova revanche contra Jelena Dokic que causara sensação em meados do ano passado. Ainda uma ilustre desconhecida, a jovem sérvia humilhou Martina Hingis, tirando-a do Torneio de Wimbledon, em Londres, já na primeira rodada.

Martina Hingis mantém-se no primeiro lugar do "ranking" há mais de 200 semanas. Mas desde janeiro de 1999 não vence nenhum torneio importante.

Especialistas estimam que ela esteja ultrapassado pela força (física) de adversárias como Lindsay Davenport, Jennifer Capriati ou as duas irmãs Williams, todas norte-americanas.

No atual torneio Hingis terá oportunidade de confirmar ou infirmar essa apreciação.

"Esse cara tem talento"

Quanto a seu compatriota Roger Federer, que enfrentou problemas de adutores recentemente, tendo jogado pouco antes desse Torneio de Nova York (o último do Grand Slam), ele esteve menos tranquilo do que previra no jogo de segunda-feira, 3 de setembro, contra André Agassi. Foi eliminado em 3 sets: 6-1, 6-2 e 6-4.

Foi a segunda vez que enfrentou o norte-americano. A primeira, quando tinha apenas 17 anos. Foi em Basiléia, em outubro de 1998. Perdeu em dois sets, mas recebeu um elogio do "kid de las Vegas": Esse cara tem talento... Se continuar assim, ira longe".

swissinfo com agências.


Links

×