Navigation

Ministro perdeu dinheiro na Swissair

Keystone Archive

Mesmo um ministro da Economia pode cuidar mal de seus próprios investimentos. Foi o caso do ministro suíço Pascal Couchepin.

Este conteúdo foi publicado em 10. dezembro 2001 - 15:32

Entre os 63 mil acionistas quer perderam dinheiro investindo nas ações da Swissair está o ministro da Economia, Pascal Couchepin. A informação foi revelada pelo próprio Couchepin, em entrevista ao diário econômico suíço "Agefi".

Antes de entrar no governo federal, Couchepin havia investido 150 mil francos suíços (90 mil dólares no câmbio de hoje) em ações da Swissair. Isso ocorreu "5 ou 6 anos atrás", segundo o ministro.

Muita gente perdeu


Na época, ninguém imaginava que a Swissair, símbolo nacional, pudesse um dia desaparecer como será o caso, a partir de abril. Três anos atrás, as ações da Swissair valiam 500 francos suíços. Hoje, praticamente não valem nada.

Pequenas poupanças privadas mas também dinheiro público federal e estadual, caixas de pensão e de aposentadoria, todos que haviam investido na Swissair perderam. A companhia está em concordata e parte da frota e das linhas será retomada pela Crossair, a partir de abril

swissinfo com agências

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Em conformidade com os padrões da JTI

Em conformidade com os padrões da JTI

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?