Navigation

Glaciar desmorona perto de estação de esqui suíça

Uma parte instável de uma geleira nos Alpes suíços desmoronou completamente, sem causar nenhum dano importante. (SRF/swissinfo.ch)

Este conteúdo foi publicado em 11. setembro 2017 - 13:26
swissinfo.ch/fh

A maior parte da língua de gelo do glaciar de Trift, no cantão de Berna, caiu no domingo, o resto na segunda-feira de manhã. A área afetada fica acima do vilarejo de Saas-Grund, perto da estação de esqui de Saas-Fee. A geleira eleva-se a uma altura de 2.750 metros acima do nível do mar. Mais de 200 pessoas foram evacuadas de suas casas como precaução no domingo (10), mas foram autorizadas a retornar no mesmo dia. Os serviços de teleférico e trem foram restaurados, de acordo com a televisão pública suíça, SRF.

O movimento da geleira foi detectado pela primeira vez em 2014 e foi monitorado permanentemente desde 2015, quando as autoridades primeiro evacuaram os residentes de Saas-Fee como precaução. O glaciar de 2,5 km de comprimento começou a fluir a um ritmo cada vez mais rápido alguns dias atrás. A temperatura média nos Alpes suíços está aumentando, o que se pensa ser o resultado das mudanças climáticas, e as geleiras estão derretendo lentamente.

Jornalistas da SRF sobrevoaram o glaciar de Trift para verificar a extensão da ruptura inicial no domingo.


Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.