Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

O Mestre da escultura cinética Jean Tinguely, o escultor de máquinas

O artista suíço internacionalmente famoso nasceu em 22 de maio de 1925 em Friburgo, na Suíça, e teria hoje 92 anos. Ele ficou famoso por suas esculturas cinéticas alegres, brincalhonas, criativas e bem-humoradas, mas que também traziam um toque de melancolia.

Tinguely, também conhecido como Jeannot, nasceu em Friburgo, na parte de língua francesa da Suíça, mas cresceu em Basileia. Ele se formou como decorador e começou usando figuras de fio para decorar vitrines.

Ele começou a fazer esculturas cinéticas em 1954. Nos anos seguintes, suas obras de arte ganharam uma reputação internacional, por exemplo, as ondas feitas com a enorme escultura mecânica no jardim do Museu de Arte Moderna de Nova York (1960).

A partir do final da década de 1970, a água tornou-se cada vez mais presente em suas obras. Mais tarde, Tinguely incluía materiais de origem animal, tais como ossos e crânios. A luz também foi um tema, como em sua obra “Luminator”, de 1991, seu último grande trabalho.

Tinguely foi casado com a artista francesa Niki de Saint Phalle - seu segundo casamento - e está enterrado em Neyruz, no cantão de Friburgo, onde viveu por muitos anos. Sua sepultura apresenta uma escultura cinética.

(Texto: Gaby Ochsenbein, swissinfo.ch; Editora de imagens: Ester Unterfinger, swissinfo.ch)