Jornalistas participam do desafio "fique-em-casa"

Escritórios vazios em toda a Suíça. O governo recomenda "homeoffice" na medida do possível, um esforço para frear a disseminação do coronavírus. A swissinfo.ch hoje é feita em casa.

O funcionário não pega mais o trem ou metrô. As tarefas são feitas no computador de casa. As conferências, por Skype. Muita coisa mudou na Suíça desde que a pandemia chegou. Porém é importante seguir as recomendações dos virólogos ou autoridades sanitárias, pois o principal objetivo é evitar que o sistema de saúde colapse. 

Porém estar em casa não significa apenas conciliar a vida privada com o trabalho. O tempo ganho pode ser utilizado para outras atividades, antes esquecidas em meio ao estresse do coditiano. Os jornalistas da swissinfo.ch não são uma exceção.



Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo