Como funcionam as eleições parlamentares na Suíça

A cada quatro anos, os suíços elegem os seus representantes políticos. O Parlamento suíço é composto por duas câmaras: o Conselho Nacional, que representa o povo, e o Conselho de Estados, que representa os cantões. (por Michele Andina, swissinfo.ch)

Este conteúdo foi publicado em 23. setembro 2019 - 11:00

Na Suíça, o Parlamento é bicameral, composto por duas instâncias: o Conselho Nacional (câmara baixa) e o Conselho de Estados (câmara alta, ou Senado). O Conselho Nacional é composto por 200 deputados e os assentos são distribuídos entre os 26 cantões proporcionalmente à sua população.

O cantão de Zurique, com uma população de 1,5 milhões de habitantes, tem 35 lugares, enquanto cada um dos seis cantões menos povoados tem apenas uma cadeira.

A fim de assegurar um melhor equilíbrio entre os interesses da maioria da população e as exigências das regiões menos povoadas, foi criada uma segunda câmara: o Conselho de Estado, composto por 46 senadores. 

Cada cantão tem dois lugares, com exceção dos seis semi-cantões (Obwald/Nidwald, Basileia-Cidade/Basileia-Campo, Appenzell Exterior/Appenzell Interior), que têm apenas um representante na câmara alta cada um.

Uma nova lei ou reforma legislativa requer a aprovação de ambas as câmaras.

​​​​​​​

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo