Navigation

Aves migratórias já estão voltando para o verão suíço

A cegonha branca é uma das primeiras migrantes de longa distância a rumar de volta para o norte. Keystone

À medida que milhares de aves retornam da África e do sul da Europa para a verão da Suíça, a organização ambiental BirdLife convocou os ornitólogos profissionais e amadores a observar os animais e relatar seus primeiros avistamentos.

Este conteúdo foi publicado em 13. março 2018 - 10:12
SDA-ATS

Tradicionalmente, a cegonha branca é o primeiro migrante de longa distância a chegar na Suíça a cada primavera, informou a BirdLife na segunda-feira. Os primeiros pássaros já chegaram aos seus ninhos. Espera-se que as andorinhas-de-chaminés (também chamadas de andorinhas de pescoço vermelho no Brasil) sigam em meados de março; os cucos e os andorinhões (ou taperás) em abril e, finalmente, o raro abelharuco europeu em meados de maio.

Como parte de sua iniciativa "Primavera Viva" (Spring Alive), a BirdLife convidou os cidadãos a experimentar o "fenômeno fascinante da migração de aves", participando de sua campanha de observação em toda a Europa. Os participantes podem usar um mapa interativo e são encorajados a relatar suas observações na Suíça no site da associação.

Com esta campanha internacional, o grupo espera chamar a atenção para a situação das aves migratórias e a destruição de seus habitats e áreas de reprodução em todo o mundo. A população de espécies migratórias diminuiu mais de 40% nas últimas três décadas, afirmou a BirdLife em seu site.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.