Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Pastor Siebert Morre pioneiro no cuidado de sem-teto, drogados e soropositivos

O Pastor Sieber (à esq.) com a prefeita de Zurique Corine Mauch

Sieber (esq.) recebeu vários prêmios por seu trabalho social, inclusive uma placa de prata da prefeita de Zurique Corine Mauch, em 2013.  

(Keystone)

Ernst Sieber, certamente o mais conhecido protetor dos sem-teto da Suíça, morreu no último fim de semana aos 91 anos.

Nascido perto de Zurique, Siebert começou a vida como trabalhador agrícola antes de estudar teologia e mais tarde liderar paróquias da igreja protestante em Zurique e arredores por 25 anos.

Sieber tornou-se amplamente conhecido como um defensor incansável dos sem-teto e de marginalizados desde os anos 60. Ele lançou inúmeros projetos sociais, inclusive para dependentes de álcool e drogas.

Ele também se sentou no parlamento suíço como representante do Partido Protestante de 1991 a 1995, e era conhecido por seu estilo extravagante. Ele ganhou vários prêmios de universidades, da cidade de Zurique e de uma popular revista de consumo.

Sieber e sua esposa, Sonja, criaram juntos oito filhos.

Sua organização de caridade atualmente emprega cerca de 190 pessoas em toda a Suíça, com um orçamento anual de 20 milhões de francos suíços (US$ 20 milhões).

Políticos e oficiais da igreja de Zurique prestaram homenagem a Sieber, elogiando-o por seu trabalho incansável por mais humanidade.


swissinfo.ch/ets

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.