Transporte rodoviário suíço atinge novo pico

O transporte de mercadorias nas estradas suíças aumentou 2,5% no ano passado, o maior aumento em duas décadas, de acordo com os últimos dados oficiais.

Este conteúdo foi publicado em 20. novembro 2019 - 07:15
No ano passado, 941.000 veículos pesados de mercadorias transitaram pelos Alpes, contribuindo para os números recordes do transporte rodoviário © Keystone/Davide Agosta

O transporte rodoviário interno cresceu particularmente em 2018 e atingiu 10,7 bilhões de toneladas por quilômetro, disse o Departamento Federal de Estatística. A participação do transporte ferroviário permaneceu em 37%. Em comparação, o transporte rodoviário de mercadorias chegou a 63%. 

O tráfego ferroviário de carga aumentou 1,4% no ano passado. No total, o transporte rodoviário e ferroviário totalizou quase 28 bilhões de toneladas por quilômetro. 

A principal razão para os números recordes é o crescimento econômico, com o Produto Interno Bruto aumentando 2,8% no ano passado. 

Em 1994, os eleitores suíços aprovaram uma iniciativa para proteger a região alpina dos efeitos negativos do trânsito de caminhões através da Suíça. 

No entanto, grupos ambientalistas têm criticado a lentidão da implementação da iniciativa e o objetivo de 650.000 trânsitos anuais de caminhões não foi alcançado. 

Na semana passada, o governo decidiu destinar 180 milhões de francos suíços (US$ 182 milhões) como parte de um pacote para promover a transferência do transporte de mercadorias pesadas da rodovia para a ferrovia. O Parlamento ainda tem que discutir a proposta. 


Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo