Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Suíça-UE Como continuar com o bilateralismo?

Desde "não" do eleitor suíço à proposta de adesão ao Espaço Econômico Europeu (EEE) no plebiscito de 1992, a Suíça segue o caminho dos acordos bilaterais nas suas relações com a União Europeia. Porém este está chegando aos seus limites.

A UE existe que a Suíça adote no futuro o acervo comunitário e suas sucessivas modificações. Além disso, a UE exige instâncias de controle e legais comuns para supervisionar a implementação dos acordos bilaterais.

A população suíça, com a profunda crença na preservação da soberania do país, opõe-se a essas exigências. Juízes "estrangeiros" - como considera o amplo consenso - não são bem-vindos na Suíça. Porém o setor de exportação da Suíça tem um interesse vital em um acesso livre ao mercado interno europeu e isso só pode ser alcançado através de acordos bilaterais.

Qual a sua opinião sobre a posição da Suíça e quais seriam as possíveis soluções ao dilema que envolve o conflito entre a Suíça e a União Europeia?

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×