Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Projeto fotográfico Descobrindo os eremitas da nossa era

Eles não são vistos com frequência já que vivem nas florestas ou montanhas. A fotógrafa Nelly Rodriguez saiu em campo para descobrir os eremitas modernos e o seu modo de vida, no qual os elementos que mais dominam são o silêncio e a solidão.

"Isole", as ilhas em italiano. É o título escolhido pela artista ao seu projeto de longa duração dedicado aos eremitas. Desde 2010 ela fotografa pessoas e espaços, construídos e naturais, nos quais elas evoluem. "Eu me interesso pelos percursos e as razões que levaram essas pessoas a se isolar. Os temas tratados são múltiplos: a escolha do estilo de vida, a confrontação com o outro ou as relações com a sociedade e a natureza", explica Nelly Rodriguez durante a primeira apresentação da sua série nos Dias da Fotografia de Bienne 2013.

Nascida em 1981 em Locarno, a fotógrafa vive e trabalha hoje em Zurique. Formada na Escola de Artes Aplicadas de Vevey (CEPV), ela participou, desde 2005, de diversas exposições coletivas ou individuais, assim como em inúmeras publicações. Em 2008, Nelly Rodriguez foi nomeada "Artista do ano" pela Fundação Bally para a cultura, que recompensa os talentos das artes visuais na Suíça italiana (foto: Nelly Rodriguez, texto: swissinfo.ch)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.