Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

PORTO PRÍNCIPE (Reuters) - Pelo menos 34 pessoas morreram e 17 ficaram feriadas no norte do Haiti neste domingo, depois que um ônibus colidiu com um grupo de pessoas num desfile, disseram autoridades de proteção civil do país.

O ônibus, que estava vindo de Cap Haitien para a capital Porto Príncipe, bateu em um desfile 'rara' na cidade de Gonaives, no norte do país, disseram as autoridades.

Desfiles de rara são agrupamentos de músicos tocando instrumentos tradicionais, que muitas vezes atraem transeuntes.

Não ficou imediatamente claro que causou o acidente. O condutor e os passageiros do ônibus foram detidos na delegacia, disse Patrick Cherilus, um porta-voz da Proteção Civil.

Depois do acidente, outros músicos e pessoas no desfile arremeçaram pedras contra o ônibus e outros veículos, ferindo outras pessoas, disse Albert Moulion, porta-voz do Ministério do Interior.

As estradas haitianas são perigosas e caóticas, com poucas regras observadas por pedestres, motociclistas e motoristas.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters