Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Egípcios observam acidente de trens em Alexandria 11/8/2017 REUTERS/Osama Nageb

(reuters_tickers)

CAIRO (Reuters) - Dois trens colidiram na cidade costeira egípcia de Alexandria nesta sexta-feira, deixando 42 mortos e 133 feridos, informou o Ministério da Saúde.

Uma testemunha disse que os trens ficaram no ar "formando uma pirâmide".

A colisão, que aconteceu perto da estação Khorshid entre Alexandria e Cairo, provocou o descarrilamento do motor de um trem e de dois vagões de outro, informou a autoridade ferroviária do Egito.

O presidente Abdel Fattah al-Sisi ordenou um inquérito sobre o acidente, que deixou corpos espalhados no chão enquanto as equipes de resgate trabalhavam para resgatar os mortos e feridos dos vagões destruídos.

O ministro dos Transportes, Hisham Arafat, disse que "erro humano" levou à colisão, mas não elaborou.

(Reportagem de Ahmed Tolba, Mostafa Hashem e Ellen Francis)

Reuters