Navigation

Agências federais dos EUA vão investigar "distúrbios civis de esquerda", diz Trump

Presidente dos EUA, Donald Trump. 31/8/2020. REUTERS/Leah Millis reuters_tickers
Este conteúdo foi publicado em 01. setembro 2020 - 00:38

WASHINGTON (Reuters) - Os Departamentos de Justiça e de Segurança Doméstica dos Estados Unidos estão estabelecendo um centro de operações conjuntas para investigar "distúrbios civis de esquerda", segundo disse o presidente Donald Trump nesta segunda-feira, enquanto acusava o democrata Joe Biden de apoiar vândalos. 

Trump, que está impondo uma abordagem "dura contra o crime" para conter a violência nas cidades norte-americanas acometidas por protestos contra a brutalidade policial e desigualdade racial, disse que mais de 200 pessoas foram presas em cidades por todo o país, incluindo 100 em Portland, no Oregon. 

"Na América, nunca iremos nos render às lideranças do crime, se o crime governa, a democracia está morta", disse Trump. 

(Reportagem de Andrea Shalal e Jeff Mason e Tim Ahmann)

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

REUTERS PF AAP

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.