Reuters internacional

BEIRUTE (Reuters) - Um ataque a bomba matou ao menos 14 insurgentes sírios em uma base do influente grupo islâmico Ahrar al-Sham neste domingo, informou o grupo de monitoramento Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Duas explosões, incluindo ao menos um ataque suicida, atingiram a base do grupo no vilarejo de Saraqeb, na Província de Idlib, disse o Observatório Sírio.

Ninguém reivindicou de imediato a autoria pelas explosões.

Idlib é um reduto rebelde, mas algumas facções de insurgentes têm travado batalhas entre si neste ano. Em meio a essas disputas entre rebeldes, o governo sírio tenta agir para retomar territórios que passaram a ser dominados por insurgentes no conflito que já dura seis anos.

(Por John Davison)

Reuters

 Reuters internacional