Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

KHOST, Afeganistão (Reuters) - Supostos insurgentes do Taliban atacaram nesta segunda-feira uma base operada pelos Estados Unidos em Khost, província do leste do Afeganistão, disseram autoridades, dando poucos detalhes de um ataque que coincidiu com uma visita do secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, a Cabul.

Os agressores detonaram um carro-bomba em uma entrada de Camp Chapman, uma instalação sigilosa operada por forças norte-americanas e fornecedores militares privados, disse Mubarez Mohammad Zadran, porta-voz do governador provincial.

Mas ele forneceu poucas informações sobre qualquer dano ou baixa. "Estou ciente de um ataque com carro-bomba em um dos portões da base dos EUA, mas não temos permissão de dar mais detalhes", afirmou.

O porta-voz dos militares norte-americanos no Afeganistão, o capitão William Salvin, confirmou o ataque. Ele disse que parece haver várias baixas entre os afegãos, mas nenhuma entre os funcionários dos EUA ou da coalizão na base.

O ataque ocorreu três dias depois de mais de 140 soldados afegãos morrerem em uma operação contra uma base militar lançada por combatentes do Taliban disfarçados com uniformes militares.

(Por Ahmad Shah e Josh Smith)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters