Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

AMÃ (Reuters) - Uma importante autoridade rebelde síria negou um relato na sexta-feira de que um cessar-fogo havia sido alcançado na área de Wadi Barada, perto de Damasco, onde as forças do governo e seus aliados estão lutando contra rebeldes.

Munir Sayal, chefe da ala política do grupo rebelde Ahrar al-Sham, disse à Reuters que a informação divulgada por um canal de mídia dirigido pelo Hezbollah não é verdadeiro.

Apoiado pelo Irã, o grupo libanês Hezbollah está lutando na Síria em apoio ao governo.

(Reportagem de Suleiman al-Khalidi)

Reuters