Navigation

Avião da Malásia voava sem problemas até desaparecer do radar, diz chefe do espaço aéreo da Ucrânia

The site of a Malaysia Airlines Boeing 777 plane crash is seen near the settlement of Grabovo in the Donetsk region, July 17, 2014. The Malaysian airliner Flight MH-17 was brought down over eastern Ukraine on Thursday, killing all 295 people aboard and sharply raising stakes in a conflict between Kiev and pro-Moscow rebels in which Russia and the West back opposing sides. REUTERS/Maxim Zmeyev (UKRAINE - Tags: TRANSPORT DISASTER POLITICS CIVIL UNREST) reuters_tickers
Este conteúdo foi publicado em 17. julho 2014 - 19:16

KIEV (Reuters) - O avião de uma empresa aérea da Malásia que caiu no leste da Ucrânia nesta terça-feira estava voando normalmente, sem problemas, até desaparecer do radar, disse o chefe do órgão responsável pelo espaço aéreo da Ucrânia.

"O voo estava ocorrendo normalmente... Não houve nenhuma palavra sobre qualquer problema da tripulação", disse Dmytro Babeychuk em entrevista coletiva.

(Por Richard Balmforth)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.