Navigation

Cerca de 30 imigrantes são encontrados mortos em barco perto da Sicília

Este conteúdo foi publicado em 30. junho 2014 - 11:33

ROMA (Reuters) - Cerca de 30 imigrantes foram encontrados mortos em um barco lotado de pessoas perto da costa da Sicília, informou a Marinha da Itália, que resgatou outros milhares que tentavam no fim de semana cruzar o mar vindos do norte da África.

A Marinha acredita que eles morreram por afogamento ou asfixiados no barco pesqueiro superlotado.

A descoberta dos corpos no domingo evidenciou a escala da crise nas águas ao sul do Mediterrâneo, onde centenas de pessoas morreram na perigosa travessia para a Europa, e outras dezenas de milhares foram resgatadas de barcos precários.

Mais de 5.000 pessoas foram resgatadas no fim de semana, o que eleva para 50.000 o número de imigrantes que chegaram à Itália este ano vindos do norte da África, muitos fugindo da guerra e da convocação forçada para o Exército.

(Reportagem de Isla Binnie)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.