Reuters internacional

LONDRES (Reuters) - O ministro de relações exteriores da Inglaterra, Boris Johnson, afirmou neste sábado que cancelou uma visita a Moscou marcada para 10 de abril depois do ataque químico ocorrido em uma área controlada por rebeldes sírios nesta semana.

"Os desdobramentos na Síria mudaram a situação completamente", disse Johnson em comunicado.

"Minha prioridade agora é continuar em contato com os Estados Unidos e outros antes da reunião do G7 em 10 e 11 de abril, para construir um apoio internacional coordenado para um cessar-fogo e processo político intensificado."

(Por Costas Pitas)

Reuters

 Reuters internacional