Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, disse nesta quarta-feira que não há alternativa para uma solução de dois Estados entre Israel e os palestinos e que Jerusalém é uma questão de status final que deveria ser resolvida por meio de negociações diretas.

"Eu sempre falei contra quaisquer medidas unilaterais que prejudiquem a perspectiva de paz para israelenses e palestinos", disse Guterres depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu Jerusalém como a capital de Israel.

"Neste momento de grande ansiedade, quero deixar claro: não há alternativa para a solução de dois Estados. Não há plano B", declarou ele a repórteres. "Farei tudo o que estiver ao meu alcance para apoiar os líderes israelenses e palestinos a retornarem a negociações significativas."

(Reportagem de Michelle Nichols)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters