Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

CABUL (Reuters) - O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, fez um apelo nesta segunda-feira para que haja uma resolução rápida sobre a polêmica eleição presidencial do Afeganistão, que representa uma das mais difíceis que teve o envolvimento da organização.
Ban disse que a ONU seguirá dando apoio ao processo, que a pós denúncias de fraudes sofreu outro revés depois que o candidato Abdullah Abdullah, único rival do atual presidente Hamid Karzai, desistiu de participar da votação de 7 de novembro.
A decisão trouxe mais questionamentos sobre a credibilidade de um novo mandato de Karzai.
"Fica a cargo do governo afegão e da Comissão Eleitoral Independente decidir que ação será tomada", disse Ban em uma entrevista à imprensa durante uma visita surpresa à capital afegã
O chefe da ONU disse esperar que uma decisão seja tomada "o mais breve possível".

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters