Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

PEQUIM (Reuters) - A China pediu aos Estados Unidos que respeite as regras de comércio internacional e melhore a cooperação e o diálogo em relação a duas novas determinações do presidente norte-americano, Donald Trump, pedindo investigação sobre abusos comerciais.

Qualquer medida sobre comércio dos EUA deve atender às regras comerciais internacionais aceitas e diferenças entre os dois países deveriam ser lidadas de forma apropriada, afirmou no sábado um porta-voz não identificado do Ministério do Comércio da China.

"A China está disposta a cooperar com os EUA em uma base de igualdade e benefício mútuo", disse o porta-voz em discurso divulgado no site do ministério.

Trump assinou decretos presidenciais na sexta-feira com o objetivo de investigar possíveis abusos que provocariam amplos déficits comerciais para os EUA.

Ele vai receber o presidente chinês, Xi Jinping, na quinta e sexta-feiras, e a expectativa é de que o comércio seja o ponto central de discussão, bem como a Coreia do Norte e as ambições da China em relação ao Mar do Sul da China.

(Reportagem de Cate Cadell)

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters