Reuters internacional

Chanceler da Alemanha, Angela Merkel, em coletiva de imprensa em Berlim. 08/05/2017 REUTERS/Fabrizio Bensch

(reuters_tickers)

BERLIM (Reuters) - Os conservadores, da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, podem formar uma coalizão tripla com o Partido Democrático Liberal (FPD) e com o ambientalista Partido Verde após a eleição parlamentar de setembro, segundo pesquisa divulgada pelo Instituto Forsa nesta quarta-feira.

Essa "coalizão Jamaica" --uma referência às cores preto, amarelo e verde da bandeira jamaicana-- já está em discussão no Estado de Schleswig-Holstein depois que a União Democrata-Cristã (CDU), de Merkel, conseguiu uma vitória decisiva na região no domingo.

Alguns parlamentares da CDU, incluindo o vice-ministro de Finanças, Jens Spahn, disseram nesta semana que essa coalizão também pode ser uma opção a nível nacional após a eleição de setembro.

A pesquisa Forsa, conduzida para a revista Stern e para a emissora RTL antes da eleição regional de domingo, mostrou o apoio inalterado de 36 por cento para a CDU, enquanto o Partido Social-Democrata (SPD), atualmente aliado na "grande coalizão" de Merkel, ganhou um ponto percentual chegando a 29 por cento.

Tanto os conservadores como os sociais-democratas disseram que esperam acabar com a atual coalizão dupla e liderar o governo com aliados menores após setembro.

Os liberais e os verdes ambos conseguiram 7 por cento cada na pesquisa Forsa, de um total de 2.004 eleitores potenciais, dando aos três partidos juntos 50 por cento, apenas o suficiente para governar.

(Reportagem de Andrea Shalal)

Reuters

 Reuters internacional