Reuters internacional

SEUL (Reuters) - A Coreia do Norte disparou o que parecem ser múltiplos mísseis antinavio de sua costa leste na quinta-feira (horário local), disse o Exército da Coreia do Sul, no mais recente de uma série de testes de mísseis de ritmo acelerado, desafiando a pressão mundial e ameaças de mais sanções.

Os lançamentos ocorrem menos de uma semana depois que o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou novas sanções contra o país, que disse que continuaria a desenvolver seu programa nuclear e de armas.

O presidente sul-coreano Moon-Jae-in foi informado sobre o último lançamento, disseram os militares, recusando-se a dar mais detalhes.

O lançamento de quinta-feira é o quarto teste de mísseis realizado pela Coreia do Norte desde que Moon assumiu o cargo em 10 de maio, comprometendo-se a dialogar com Pyongyang.

Sob o líder Kim Jong Un, a Coreia do Norte vem realizando tais testes a um ritmo sem precedentes em um esforço para desenvolver um míssil balístico intercontinental (ICBM) capaz de atingir os Estados Unidos.

Os projéteis foram lançados quinta-feira de manhã da cidade costeira norte-coreana de Wonsan, disse o Escritório de Chefes de Estado-Maior da Coreia do Sul em comunicado.

(Por Ju-min Park)

Reuters

 Reuters internacional