Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Corrige dia do encontro no segundo parágrafo para sexta-feira)

(Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou no Twitter neste domingo que discutiu a formação de uma unidade de segurança cibernética para proteção contra hackers em eleições com o presidente russo, Vladimir Putin.

Tuitando após seu primeiro encontro com Putin na sexta-feira, Trump afirmou que agora é o momento para trabalhar de forma construtiva com Moscou, destacando um acordo de cessar-fogo no sudoeste da Síria que entrou em vigor neste domingo.

"Putin e eu discutimos a formação de uma unidade de segurança cibernética impenetrável para que o hackeamento de eleições e muitas outras coisas negativas sejam vigiadas", disse ele após conversas na cúpula do G20 em Hamburgo, Alemanha.

Trump disse que levantou alegações de interferência russa na eleição presidencial de 2016 dos EUA com Putin.

"Eu pressionei bastante o presidente Putin duas vezes sobre a interferência russa em nossa eleição. Ele negou veementemente. Eu já dei minha opinião..."

(Reportagem de David Stamp, Valerie Volcovici e Yasmeen Abutaleb)

Reuters