Navigation

Destroços em chamas de avião da Malásia e corpos são encontrados no leste da Ucrânia

Destroços do Boeing 777 da Malaysia Airlines que caiu com 295 pessoas à bordo próximo ao vilarejo de Grabovo, na região de Donetsk, na Ucrânia. 17/06/2014. REUTERS/Maxim Zmeyev reuters_tickers
Este conteúdo foi publicado em 17. julho 2014 - 17:40

GRABOVO Ucrânia (Reuters) - Dezenas de corpos estavam espalhados ao redor dos destroços ainda em chamas de um avião de passageiros que caiu no leste da Ucrânia nesta quinta-feira, constatou um repórter da Reuters no local.

Um funcionário dos serviços de emergência disse que pelo menos 100 corpos tinham sido encontrados até o momento no local, perto do vilarejo de Grabovo, e pedaços de corpos estavam espalhados por até 15 quilômetros.

Partes quebradas das asas estavam marcadas com tinta azul e vermelha, as cores do emblema da Malaysian Airlines, que perdeu o contato com um voo que ia de Amsterdã para Kuala Lumpur, levando quase 300 pessoas.

(Reportagem de Anton Zverev)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.