Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - Dois senadores republicanos dos Estados Unidos atacaram ferozmente o presidente Donald Trump nesta terça-feira, acusando o colega republicano de degradar a política norte-americana e a posição do país no exterior, em críticas públicas incomuns a um presidente em exercício.

O senador Jeff Flake, em um discurso dramático no Senado, disse que as políticas dos EUA se tornaram “acostumadas” a um comportamento “imprudente, ultrajante e indigno” da Casa Branca.

“O instinto de bode expiatório e desprezo ameaça nos transformar em um povo medroso, retrógrado”, afirmou Flake, que anunciou que não irá concorrer à reeleição no próximo ano.

O senador Bob Corker, que também disse previamente que não irá tentar reeleição, chamou Trump de um mentiroso que danificou a posição do país no mundo, criticando o presidente com comentários que agitaram divisões profundas no Partido Republicano.

“O presidente possui grande dificuldade com a verdade em muitas questões”, disse Corker à CNN.

(Reportagem de Caren Bohan)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters