Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, em Bruxelas. 20/02/2017 REUTERS/Francois Lenoir

(reuters_tickers)

BRUXELAS (Reuters) - O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, disse a autoridades de alto escalão da União Europeia nesta segunda-feira que o governo do presidente dos EUA, Donald Trump, está buscando maneiras de "aprofundar nossas relações" com a UE.

Trump alarmou os líderes da UE ao apoiar a decisão britânica de deixar o bloco e ao sugerir no mês passado que outros países fariam o mesmo. Pence passou o fim de semana na Alemanha buscando assegurar os europeus que Trump está comprometido com o pacto de defesa Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), mas não conseguiu convencer a todos.

Em conversa com a chefe de política externa da UE, Federica Mogherini, antes de encontros com líderes do Conselho Europeu e da Otan, Pence disse estar "muito grato por ter a oportunidade de encontrá-la e explorar formas para podermos aprofundar nossas relações com a União Europeia".

Ele se reuniu com Mogherini na sede da missão dos Estados Unidos na UE. O último embaixador norte-americano para o bloco, dispensado por Trump após a posse do presidente, alertou o novo governo contra reverter décadas de política dos EUA pós-guerra de incentivar a integração europeia e disse que apoiar a saída britânica do bloco estava "à altura da loucura"

Mogherini disse a Pence que os europeus e os EUA têm muito trabalho a fazer e que as discussões já estão em andamento.

(Reportagem de Roberta Rampton)

Reuters