Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Manifestantes seguram bandeiras separatistas da Catalunha durante protesto, em Barcelona 03/10/2017 REUTERS/Enrique Calvo

(reuters_tickers)

Por Julien Toyer e Sam Edwards

MADRI/BARCELONA (Reuters) - A Espanha se prepara para impor um regime direto sobre a Catalunha nesta sexta-feira, um passo sem precedentes que pode ampliar a instabilidade com separatistas que pedem que o Parlamento catalão faça uma desafiadora declaração de independência.

O Senado espanhol iniciou uma reunião às 6h (horário de Brasília) para considerar a aplicação do artigo 155 da Constituição, que permite que a administração central assuma o controle de uma região se ela infringir a lei.

Entretanto, há grande incerteza sobre como isso funcionaria na prática e se os catalães aceitarão a medida. Alguns defensores da independência prometeram uma campanha de desobediência civil.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters