Navigation

EUA acreditam que avião da Malásia foi atingido por míssil terra-ar, diz autoridade

Este conteúdo foi publicado em 17. julho 2014 - 22:12

WASHINGTON (Reuters) - Uma autoridade dos Estados Unidos disse que o governo norte-americano acredita que um míssil terra-ar derrubou o avião de uma empresa da Malásia nesta quinta-feira no leste da Ucrânia, matando todas as 295 pessoas a bordo.

A autoridade norte-americana, falando sob condição de anonimato, disse que a origem do míssil não está clara. A autoridade recusou-se a fazer mais comentários.

A Ucrânia acusou "terroristas" --militantes que lutam pela unificação do leste da Ucrânia com a Rússia-- de terem derrubado o avião Boeing 777 da Malaysia Airlines com um míssil terra-ar pesado da era soviética durante voo de Amsterdã para Kuala Lumpur.

Líderes dos rebeldes ucranianos pró-Rússia negaram envolvimento.

(Reportagem de Phil Stewart)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.