Navigation

EUA afirmam que apoio financeiro ao Líbano depende de reformas

Este conteúdo foi publicado em 15. agosto 2020 - 18:20

BEIRUTE (Reuters) - O Líbano só receberá apoio financeiro quando seus líderes promulgarem reformas, disse um oficial sênior dos EUA no sábado, incitando-os a finalmente responder às demandas de seu povo por boa governança e acabar com a corrupção.

"Quando vermos os líderes libaneses comprometidos com uma mudança real, mudança em palavras e ações, os EUA e seus parceiros internacionais responderão às reformas sistêmicas com apoio financeiro sustentado", disse David Hale no final de uma visita de três dias a Beirute após um catastrófico explosão de produtos químicos no início deste mês.

Hale, subsecretário de Estado para Assuntos Políticos, também disse que os Estados Unidos estão prontos para trabalhar com o Congresso para prometer até US$ 30 milhões em fundos adicionais para permitir o fluxo de grãos pelo Porto de Beirute em uma base provisória e urgente.

(Escrito por Tom Perry; Edição de Alison Williams)

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.