Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - O governo de Donald Trump está mantendo todas as opções na mesa, incluindo possíveis sanções no setor petrolífero da Venezuela, se o presidente Nicolás Maduro continuar com os planos para criar uma Assembleia Constituinte, disse uma autoridade dos Estados Unidos nesta quarta-feira.

O alto funcionário reiterou a ameaça dos EUA depois que Washington impôs sanções a 13 importantes autoridades do governo venezuelano, das Forças Armadas e da petroleira estatal PDVSA.

"Todas as opções estão sendo cuidadosamente estudadas, cuidadosamente analisadas", disse a autoridade a jornalistas em uma teleconferência, acrescentando que, se Maduro prosseguir com a votação do domingo, "haverá uma resposta econômica forte e rápida" dos Estados Unidos.

(Reportagem de Ayesha Rascoe e Matt Spetalnick)

Reuters