Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - O Departamento de Estado norte-americano condenou o bombardeio contra um comboio de refugiados no leste da Ucrânia nesta segunda-feira que matou dezenas de pessoas, mas afirmou que não podia confirmar quem é o responsável pelo ataque.

"Condenamos fortemente o bombardeio e o lançamento de mísseis contra um comboio que estava levando pessoas deslocadas internamente em Luhansk e expressamos as nossas condolências às famílias das vítimas", disse a porta-voz do departamento, Marie Harf, em declaração à imprensa.

"Infelizmente, eles estavam tentando fugir do combate e, em vez disso, se tornaram vítimas."

O governo ucraniano acusou rebeldes pró-russos de alvejar o comboio, que estaria exibindo bandeiras brancas, de acordo com Kiev. Os separatistas negaram a responsabilidade pelo ataque.

(Reportagem de Warren Strobel e Jim Loney)

Reuters