Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, durante reunião do Conselho de Segurança, em Nova York 04/09/2017 REUTERS/Joe Penney

(reuters_tickers)

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, disse nesta segunda-feira que agora é o momento para o Conselho de Segurança impor "as medidas mais fortes possíveis" contra a Coreia do Norte, devido ao sexto e maior teste nuclear do regime norte-coreano, dizendo "basta".

Haley disse que a abordagem de sanções graduais do conselho de 15 membros contra a Coreia do Norte desde 2006 não funcionou, e disse que o líder norte-coreano, Kim Jong Un, está "pedindo por guerra".

"Apesar de nossos esforços, o programa nuclear da Coreia do Norte está mais avançado e mais perigoso do que nunca", disse Haley ao conselho.

"Uma guerra não é nunca algo que os Estados Unidos querem. Nós não queremos agora. Mas, a paciência do nosso país não é ilimitada", acrescentou.

(Reportagem de Michelle Nichols)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters