Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

BEIRUTE (Reuters) - O exército sírio e forças aliadas capturaram um dos últimos enclaves importantes do Estado Islâmico na região central da Síria, afirmaram um observador e uma unidade de mídia militar do Hezbollah, neste sábado.

O território alvo da ação envolve cerca de 2 mil quilômetros quadrados, afirmou a unidade de mídia do Hezbollah, que combate junto com as forças do governo sírio na guerra civil do país.

Mais cedo nesta semana, o exército e seus aliados cercaram militantes do Estado Islâmico depois de avançarem pelo sul e unirem-se a forças próximas da cidade de al-Sukhna, na província de Homs.

O exército sírio, apoiado por ataques aéreos da Rússia e milícias apoiadas pelo Irã, assegurou controle de al-Sukhna neste mês. A cidade era a última grande em Homs que era controlada pelo Estado Islâmico.

Agora, a única presença significativa do Estado Islâmico em Homs está em outro enclave próximo da fronteira com a província de Hama, também cercado pelo exército e seus aliados, disse o Observatório Sírio para Direitos Humanos, um monitor da guerra sediado na Inglaterra.

(Por Ellen Francis)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters