Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

BEIRUTE/AMAN (Reuters) - Uma aliança síria de milícias curdas e árabes apoiada pelos Estados Unidos retomaram um aeroporto militar no norte da Síria, mantido pelo Estado Islâmico, perto da maior barragem do país, que pode estar em risco de colapso.

As Forças Democráticas da Síria (SDF), uma aliança de milícias curdas e árabes apoiadas por uma coalizão internacional liderada pelos EUA, disseram em uma declaração que haviam tomado a base aérea.

Mais cedo, o porta-voz da SDF, Talal Silo, disse que seus combatentes haviam capturado "60 a 70 por cento" do aeroporto, mas ainda estavam envolvidos em intensos confrontos com os militantes linha dura dentro da base aérea e em sua periferia.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters